No Teu doce olhar



No teu doce olhar
Eu posso admirar
O teu lindo sorriso
Dizendo-me que é preciso
Aprender a cuidar
Do saber amar


Estendo a mão
Para receber a união
Entre o ser humano
E o ser da natureza.

No teu doce olhar
Eu posso ver
Eu posso sentir
Eu posso esperar
Meu sonho se realizar

Sonho que é quase um milagre
Que espero que aconteça
 A cada novo amanhecer
O qual não me deixa adormecer
Sem antes refletir
Sobre o que vejo
Pois me parece ser irreal
Diante de meus olhos
Pois não querem crer
No que infelizmente é bem real.

No teu doce olhar de menina
Eu queria acreditar que tudo
Que vejo, não passe de um pesadelo.
E que no dia seguinte, tudo seria igual ao meu sonho.
Um sonho lindo coberto pelo verdadeiro Amor!

Em teu doce olhar
Eu deposito a minha esperança
Ó terna e linda criança
Para que um dia
O mundo possa sentir a alegria
De viver em constante alegria.
Sem a dor da violência
Sem a dor da rejeição
Sem a dor da perda por algo fútil
Sem a dor da discórdia entre os filhos de Deus
Sem a dor da desunião entre o ser humano e a natureza
Qual nos ensina o segredo da nossa existência. 



Comentários

  1. Que lindo,Maria Alice! um bjs, chica e ótimo fds!

    ResponderExcluir
  2. Poesia suave,leve e com msg de amor maravilhosa! bjs e bom final de semana pra vc tb,

    ResponderExcluir
  3. Nada mais doce do que a ternura no olhar e sorriso de uma criança.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderExcluir
  4. Bom dia Maria!
    Belo poema!
    Uma semana maravilhosa, abração esmagador.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua visita ao mundo mágico do coração!
Seja sempre muito bem vindo!
Volte sempre...
Abraço fraterno
Maria Alice