quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Estarei na bienal do RJ Riocentro



Boa tarde prezados amigos leitores e seguidores  do meu  cantinho hoje venho por meio deste convida-los para o laçamento do meu livro " Uma Menina Chamada Esperança".
Acontecerá na Bienal Internacional do livro. - Pavilhão 3 Azul, K, 11 (Em frente ao Café Literário) - Riocentro. 
Sua presença é muito importante para que a Menina Esperança possa realizar seu sonho. Possa chegar ao coração e manter a chama da esperança acesa.
Desde já deixo o meu muito obrigado de coração!
https://www.facebook.com/events/485968654895856/
Atenciosamente 
Maria Alice Cerqueira​


Vivemos num mundo cuja esperança é massacrada diante dos meios de comunicação, TV, internet e jornal impresso, que você recebe em casa ou compra nas bancas, fazendo com que percamos a esperança em dias melhores. Vivemos em um mundo em que preferimos nos entregar à dor, em vez de ir em busca do conhecimento do Amor. Vivemos na descrença de um mundo de benevolência, em vez de ir em busca da construção do bem comum. Vivemos para ter mais e ser menos, e a esperança se esvazia por um poço sem fundo. Vivemos em função da realização pessoal e em ganhar mais dinheiro, em vez de ajudarmos a manter vivo o sonho de cada criança; e fazer com que a esperança cresça dentro de seu coração, para que, quando adulta, ela não duvide de que em cada amanhecer verá o nascimento de um novo dia, e mesmo que o sol esteja encoberto pelas nuvens escuras, ele sempre está lá para fazer florescer a vida. Este conto narra o sonho de uma linda menina chamada Esperança, que vive na simplicidade do seu ser. Esta menina é muito carinhosa, e poderia se dizer muito feliz, a não ser pelo seu sonho, que a deixa em alerta o tempo todo. Sonho este que ela deseja realizar a cada novo amanhecer. Certa noite Esperança adormece, e quem a vê dormindo, diz que ela está tendo o sono dos Anjos. Na realidade ela está vivendo um terrível pesadelo, pois sonha que está caminhando dentro de uma floresta muito escura, tão escura que não consegue ver nada, a não ser a luz de sua própria essência, o que não a deixa enfraquecer. Ao centro da escuridão, Esperança se recorda da luz de cada amanhecer, e retira de sua essência a luz para iluminar o caminho, que a levará para fora desse triste lugar, com a certeza de que a esperança é fonte de água viva. É ela que sustenta a alegria da vida. A esperança nunca morre, porque é o recomeço de tudo.

 A presença de cada um e um de vocês vai me trazer muita alegria.

Que  Deus os abençoe e proteja de todo o mal e perigo.
Abraço fraterno!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua visita ao mundo mágico do coração!
Seja sempre muito bem vindo!
Volte sempre...
Abraço fraterno
Maria Alice

Deus é contigo

Recadoseglitters.com