Procuro as palavras






Procuro as palavras
Encontro linhas...
Que me levam  a algum lugar
Que me fazem procurar
A direção que devo tomar.


As palavras são vazias
As linhas são cruzadas
O que procuro...
 Não está em qualquer lugar
Para onde eu devo seguir
Meu coração não pode me mostrar.

No silencio das palavras
Encontro a serenidade da sabedoria.
Diante das linhas
Escrevo as paginas de minha vida.

Palavras são tudo e são nada...
Elas podem transformar o mundo,
Mas também podem fazer nada acontecer.
Palavras dizem muita coisa ou coisa alguma.
Tudo depende de onde vem e para onde vão.


Palavras são palavras e nada mais do que elas,
Se não forem ditas ou escritas
Com a presença da verdade
De cada coração

Palavras tem o poder
De construir a união
Mas também a destruição
Se não forem faladas
Pela voz do coração
E da razão!

Pois mesmo diante da razão
E do sentimento do coração
Precisamos cuidar
Para que as palavras
Sejam ditas e escritas
Para construir a paz
Contagiar a alegria
A cada dia a dia.
Replantar a esperança
De cada criança.
Fazer prevalecer o Amor
Do Nosso Criador
Dentro do coração
De cada um de nós
Seus filhos, por Ele muito amados.
Pois só o Amor nos trará a serenidade
Do nosso viver.




Comentários

  1. Tudo tao lindo e tranquilo,,,, que paz que fico ao entrar aqui. Beijo grande em vc que é uma pessoa muito especial!

    ResponderExcluir
  2. Oi Maria alice, boa tarde!
    Lindo poema, acho que disse isso pra você, mas, não custa repetir...Admiro e aplaudo em pé pessoas que tem o Dom de conseguir colocar em palavras o que manda a alma e o coração...Parabéns pela linda escrita...Palavras há que se pesar, para não sair ferido e para não ferir...
    Beijos com carinho e desejo a você "Um Feliz dia das mães", que ele seja só amor junto aos seus.
    Marilene

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Muito obrigado pela sua visita ao mundo mágico do coração!
Seja sempre muito bem vindo!
Volte sempre...
Abraço fraterno
Maria Alice